Raladura ginecológica

22/04/2022 às 22:56:24

Por mecanismos hormonais (estrogênios), o revestimento interno do canal passa a se localizar na porção externa do colo, gerando a Ectopia, o que o torna mais suscetível a sangramentos durante as relações sexuais, a infecções (clamídia, HPV), além de, uma vez inflamado, produzir uma quantidade excessiva de muco, que se exterioriza sob a forma de um corrimento espesso, pegajoso e amarelado (cervicite).

A ectopia cervical, na maioria dos casos é assintomática e será possível identifica-la apenas durantes os exames ginecológicos de rotina.

Durante o exame ginecológico, aplicamos uma material aquoso que nos ajuda na identificação da ectopia, onde será delimitado com maior precisão a "ferida" - como muitos chamam - no colo do seu útero.

Esta é uma consequência da influência hormonal durante a idade fértil. O tratamento dependerá do estado da ferida.

Na maioria dos casos, por exemplo, não requer tratamento, já que costuma regredir sozinha e depois se transforma em um tecido escamoso e mais resistente. Mas, em determinados casos pode ser realizado cauterização ou aplicações de agentes químicos.

Faz quanto tempo que foi ao seu gineco?

Por favor, cuide-se.
Com carinho, Dra Priscilla Amorim.

Ginecologia & Obstetrícia
CRM-CE 13.555 | RQE 8862

Telefone: (88) 99732-9838
Av. Dr. Guarani, 255, Centro
Sobral - CE